sábado, 13 de fevereiro de 2016

Convulsão de prazer

Ouço a chuva, fecho os olhos e só me ocorre uma coisa.

Dois corpos esfomeados de prazer que lutam entre si, numa fúria imparável onde se alimentam mutuamente numa espécie de "canibalismo", carne na carne.
Alimentam-se de toques, de gritos, de gemidos, de suor, de líquidos, de tesão e é tudo o quanto basta para se sentirem saciados.


22 comentários:

  1. E se adicionares e esse cenário lareira :)

    ResponderEliminar
  2. Áhh reparo que não chegou, precisa de acabar com a mão. hummm muito bom!! :-))

    Beijinhos doces :)) - http://anseiosedevaneiossexuais.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. Então se te querem a arder..façam chover,looooool ;))

    Beijooo

    ResponderEliminar
  4. k milagre! Um parceiro que sacia a mulher depois de gozar!!

    ResponderEliminar
  5. E da maneira que ela cai lá fora dá trabalho :p

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Felizmente já veio o sol...:P
      Mas sem trabalho, nada feito. ;)

      Eliminar
  6. Nada como um banquete para matar a fome :D

    ResponderEliminar
  7. Hummmm vale tudo... até o toque dos dedos para completar o gesto de amor. Gostei da forma dos escritos...és generosa consigo mesma!!!

    ResponderEliminar
  8. Tu tem cuidado,não deixes para amanhã o que Phodes fazer hoje! :p

    ResponderEliminar